Ver

Foco no treinador da AS Monaco basket

Data de publicação: 03/02/2020
O treinador sérvio do Roca Team, Sasa Obradovic aceitou responder a algumas perguntas sobre a vida em Mônaco

Eleito treinador do ano em 2018 na EuroCopa, finalista da competição com o clube russo Lokomotiv Kuban, tricampeão da Europa e campeão do mundo como jogador vestindo a camisa da Iugoslávia, trata-se de um treinador de alto nível e de uma figura de destaque do basquete internacional, tendo chegado ao Rochedo no mês de março passado para assumir as rédeas do Roca Team. Sasa Obradovic está inserido na tradição dos treinadores da escola iugoslava. Um único lema: trabalho, trabalho e mais trabalho. 

           

- Como o senhor avalia a vida em Mônaco?
Desde que aqui cheguei, sinto-me muito bem. Quando se é treinador de basquete, é preciso estar pronto para trabalhar por toda parte, pouco importando o lugar. É preciso estar pronto para mudar com frequência de cidade, descobrir novos lugares em cada nova experiência, portanto, as malas nunca estão totalmente guardadas! Mas, devo confessar que aqui, rápido me senti em casa. Fui muito bem acolhido, tanto pelo clube quanto pelos fãs e isso dá vontade de se estabelecer aqui! Eu me sinto importante em Mônaco, tenho vontade de construir algo interessante aqui.

- Quais são os seus hábitos?
Já tenho alguns endereços favoritos. Gosto de tomar um café em Fontvieille antes dos treinamentos, isso faz parte da minha rotina. Não é muito longe do estádio e eu gosto do ambiente local existente neste bairro. Em relação aos restaurantes, tento variar e descobrir um estabelecimento diferente todas as vezes. Mas confesso que tenho os meus hábitos: gosto de frequentar o Avenue 31 e o Gaia.

- No que diz respeito à sua experiência, em quê Mônaco se distingue?
Mônaco é claramente um dos melhores lugares do mundo, todos sabem! Fui levado a me deslocar muito em minha carreira e aqui é o lugar que prefiro. O que aprecio é o fato de sempre termos algo para fazer ao mesmo tempo, ser um lugar tranquilo. É um lugar muito relaxante e é fácil de passear no Principado com toda tranquilidade. Sou feliz aqui!

- Algumas palavras sobre a temporada do Roca Team até o momento?
No momento, estamos correspondendo às expectativas do clube e dos torcedores. Somos pressionados e isso acaba sendo muito positivo, pois nos sentimos importantes e úteis. Minha equipe entra na quadra com a perspectiva de ganhar todas as partidas e é exatamente isso que precisamos quando se tem objetivos ousados, como vencer a Eurocopa.

- O que vem à sua cabeça quando se evoca o esporte em Mônaco?
Tenho a impressão que Mônaco é o lugar de quase todos os esportes. Gosto de assistir partidas de tênis, inclusive, tive a oportunidade de assistir uma partida do Rolex Monte-Carlo Masters no ano passado, com participação do meu compatriota Novak Djokovic! Tive menos oportunidades de acompanhar mais de perto a AS Monaco Football Club, mas gosto de ir ao estádio. E, logicamente, tem a Fórmula 1, um encontro incrível. Gostaria de fazer tanta coisa, mas não tenho tempo suficiente!

 

 © Diretoria de Comunicação