Os outros grandes eventos do ano

  • Festival International du Cirque
    janeiro de 2019
  • Le Rallye Monte-Carlo
    janeiro de 2019
  • Spring Arts Festival
    março de 2019
  • Le Bal de la Rose
    março de 2019
  • Les Ballets de Monte-Carlo
    abril de 2019
  • Monte-Carlo Rolex Masters
    abril de 2019
  • Grand Prix de Formule 1 de Monaco
    maio de 2019
  • Monte-Carlo Sporting Summer Festival
    junho de 2019
  • Jumping International de Monte-Carlo
    junho de 2019
  • Concours International de Feux d'Artifice Pyromélodiques
    julho de 2019
  • Gala de la Croix Rouge Monégasque
    julho de 2019
  • Monaco Yacht Show
    setembro de 2019

Spring Arts Festival

Existe em «festival» a palavra “festivo”. Uma palavra que faz desfrutar cada instante para o transformar numa festa do prazer de ouvir música ao vivo. A Primavera das Artes continua, desde 1984, a explorar as músicas ditas «clássicas» para mostrar que são tudo menos clássicas!
Basta ouvi-las em novos formatos de concerto, com intérpretes que correm riscos e pensam fora da caixa! Os outros momentos do festival são projetados como experiências que não devem ser desperdiçadas, como a Viagem surpresa – um encontro há muito aguardado que vos transporta a um lugar secreto – ou o Monaco Music Forum que mistura, num dia de loucura, malabaristas, fanfarras, dança… 
Venha partilhar connosco estes momentos de prazer.

Um pouco de história...

A Primavera das Artes de Monte-Carlo foi criada em 1984 sob a liderança de S.A.S.A Princesa Grace e de Antoine Battaini, então Diretor dos Assuntos Culturais do Principado. Todos os anos, durante cinco fins de semana entre março e abril, Monte-Carlo torna-se o anfitrião de performances artísticas extraordinárias.
Desde 1984, sob a presidência de S.A.R. A Princesa de Hanôver, a Primavera das Artes mergulha Mónaco na efervescência borbulhante e criativa do universo artístico.
Os primeiros anos põem em destaque solistas de renome tais como Daniel Barenboïm, Ruggera Raimondi, Lleane Cotrubas, e muitos outros intérpretes lendários. Desde 1987, a Primavera das Artes pôs em cartaz óperas barrocas mais ou menos inéditas e abriu portas às Artes plásticas. Botero e Marisa Del Re foram assim homenageados no principado. Em 1992, Rainier Rocchi, novo Diretor dos Assuntos Culturais moderniza o evento, nomeadamente através da integração do jazz na sua programação.   

Salas de espetáculos míticas

Estão tanto na origem do sucesso da Primavera das Artes como as próprias prestações. Todos os anos, o público descobre artistas talentosos num ambiente extraordinário. A sala Império do Hotel de Paris Monte-Carlo, a Sala Garnier situada na Ópera de Monte-Carlo, a Sala das Estrelas do Sporting Monte-Carlo, mas também o Museu Oceanográfico, o Auditório Rainier III, a Galeria Marlborough ou ainda o Teatro de Variedades, acolhem todos os anos no seu seio os maiores artistas e são a moldura de prestações extraordinárias.

FESTIVAL PRINTEMPS DES ARTS DE MONTE-CARLO
12 avenue d'Ostende -  98 000 Monaco 
Tel +377 93 25 58 04
[email protected]