Os outros grandes eventos do ano

  • Spring Arts Festival
    março de 2019
  • Le Bal de la Rose
    março de 2019
  • Les Ballets de Monte-Carlo
    abril de 2019
  • Monte-Carlo Rolex Masters
    abril de 2019
  • Grand Prix de Formule 1 de Monaco
    maio de 2019
  • Monte-Carlo Sporting Summer Festival
    junho de 2019
  • Jumping International de Monte-Carlo
    junho de 2019
  • Concours International de Feux d'Artifice Pyromélodiques
    julho de 2019
  • Gala de la Croix Rouge Monégasque
    julho de 2019
  • Monaco Yacht Show
    setembro de 2019
  • Le Rallye Monte-Carlo
    janeiro de 2020

Spring Arts Festival

Existe em «festival» a palavra “festivo”. Uma palavra que faz desfrutar cada instante para o transformar numa festa do prazer de ouvir música ao vivo. A Primavera das Artes continua, desde 1984, a explorar as músicas ditas «clássicas» para mostrar que são tudo menos clássicas!

Basta ouvi-las em novos formatos de concerto, com intérpretes que correm riscos e pensam fora da caixa! Os outros momentos do festival são projetados como experiências que não devem ser desperdiçadas, como a Viagem surpresa – um encontro há muito aguardado que vos transporta a um lugar secreto – ou o Monaco Music Forum que mistura, num dia de loucura, malabaristas, fanfarras, dança…  
Venha partilhar connosco estes momentos de prazer.

Um pouco de história...

Fundada em 1970 com o apoio da Princesa Grace de Mônaco, a Primavera das Artes de Monte-Carlo é um festival de música que ocorre anualmente na primavera, durante 4 ou 5 finais de semana. Desde 1984 o festival é presidido por S.A.R. A Princesa de Hannover que zela pelo seu desenvolvimento, sendo a direção por ela atribuída ao compositor Marc Monnet em 2003.
Voltado para a criação artística, este evento contribui para fazer do Principado, na chegada da primavera, um lugar preferencial para todos aqueles reunidos pelas artes e pela música. O gosto pronunciado pela diversidade de expressões artísticas (músicas do século XI ao século XXI, sinfonias, óperas, recitais, performances, dança…) e a preservação de uma exigência de qualidade, apresentando ao público os maiores artistas do tempo atual, constituem os dois principais eixos deste festival. Sempre prestigiada, a programação artística deste evento maior da Côte d’Azur busca igualmente levar à descoberta e ao incentivo dos novos talentos.
Por vezes insólita e inesperada, a Primavera das Artes de Monte- Carlo sempre surpreende, maravilha e encanta o seu público, agora já há mais de trinta anos.
Aquilo que diferencia a Primavera das Artes de outros festivais europeus é especialmente a prioridade atribuída à descoberta, no sentido mais amplo do termo: descoberta das culturas musicais de outros continentes, dos quais são convidados os melhores representantes (eventualmente atípicos). Citemos por exemplo o Congo (Orquestra Sinfônica Kimbanguiste / Kinshasa), o Balé Real do Cambodja, a Rússia (Mariinsky Orchestra, comandada pelo Maestro Gergiev)... Além, igualmente, de um final de semana nipônico, de uma noite húngara, de uma jornada do Marrocos, sem esquecer os retratos de compositores (Scriabin, Haydn, Mahler, Berlioz, Ives…) e a acolhida de grandes orquestras, tais como a Filarmônica Real de Liège, a Orquestra
Sinfônica da BBC, a Orquestra Nacional de Lyon… ou ainda inúmeros quartetos e conjuntos clássicos e contemporâneos de renome internacional.

Assim, a Primavera das Artes de Monte-Carlo propõe uma viagem pelos continentes, no coração de um único e mesmo espaço, às margens do Mediterrâneo.

Alguns números anuais do Festival:

  • Mais de 500 artistas convidados
  • Aproximadamente 30 shows
  • Mais de 10.000 espectadores
  • Uma centena de jornalistas credenciados para a imprensa escrita e audiovisual, francesa e internacional

Salas de espetáculos míticas

Estão tanto na origem do sucesso da Primavera das Artes como as próprias prestações. Todos os anos, o público descobre artistas talentosos num ambiente extraordinário. A sala Império do Hotel de Paris Monte-Carlo, a Sala Garnier situada na Ópera de Monte-Carlo, a Sala das Estrelas do Sporting Monte-Carlo, mas também o Museu Oceanográfico, o Auditório Rainier III, a Galeria Marlborough ou ainda o Teatro de Variedades, acolhem todos os anos no seu seio os maiores artistas e são a moldura de prestações extraordinárias.

FESTIVAL PRINTEMPS DES ARTS DE MONTE-CARLO
12 avenue d'Ostende -  98 000 Monaco 
Tel +377 93 25 58 04
[email protected]